meninas na ciência
powered by barbie

o que é o programa “Meninas na Ciência powered by Barbie”?

  • Actualmente, o papel da mulher na Ciência tem voz, com o reconhecimento de personalidades admiráveis que prestaram, e continuam a prestar, contributos imprescindíveis na área científica. Mas nem sempre foi assim.
  • Ao longo de toda a nossa história – de Portugal e do resto do mundo - o papel das mulheres na Ciência era desvalorizado e colocado em segundo plano, quando comparado com o papel dos homens.
  • Nesse sentido, de forma a valorizar o papel da mulher na área científica, contribuir para o favorecimento da igualdade real e efetiva entre homens e mulheres, e apoiar as jovens adultas cujo futuro passe pela investigação, a Barbie decidiu lançar o projeto “Meninas na Ciência powered by Barbie”, no âmbito do Dream Gap.



  • O programa “Meninas na Ciência powered by Barbie”, criado em parceria com a Dra. Elvira Fortunato, cientista, investigadora e professora catedrática na Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa, é um programa inovador que dá a oportunidade, a uma estudante que frequente o 12º ano de escolaridade, em Portugal, de receber uma Bolsa de Estudo, no valor de 3000€, para qualquer curso de Ciências e/ou Tecnologias da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa.

  • Desde 1959, que a Barbie tem vindo a inspirar inúmeras raparigas a serem o que quiserem pelo mundo fora, dando-lhes poder para sonharem sem limites e a incentivá-las a explorar ao máximo o seu potencial. Surgiu assim o claim: “Tu podes ser o que quiseres”.

  • Nesta missão, a Barbie identificou a existência de um período crítico, o Dream Gap, entre as idades dos 5 aos 7 anos, no qual as raparigas começam a acreditar que são menos do que os rapazes, a duvidar da sua inteligência e a perder, consequentemente, a confiança nas suas competências.

  • Para o combater, a marca lançou o "Dream Gap Project", uma iniciativa global de longo prazo cujo objetivo passa por fornecer às meninas os recursos e o apoio de que precisam para continuarem a acreditar que podem ser tudo o que se propuserem a ser.

como participar?

  • O programa “Meninas na Ciência powered by Barbie” destina-se a todas as estudantes do sexo feminino a frequentar o 12ª ano de escolaridade, em Portugal.
    Para participar as alunas terão de desenvolver um projeto de inovação e criatividade que as ajude a responder à questão “De que forma poderias mudar o mundo através da Ciência?”, que deverá ser enviado para o email: meninasnacienciabarbie@gmail.com, até dia 30 de junho.

  • Todas as candidaturas serão, posteriormente, analisadas por um painel de jurados de excelência, composto pela Dra. Elvira Fortunato, cientista, investigadora e professora catedrática na Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa, pela Dra. Sara Marçal, Manager Market Developer da Mattel Portugal e por Rosália Vargas, Presidente da Ciência Viva, que ficará responsável pela seleção de 10 finalistas.

  • No dia 5 de julho, as finalistas serão convidadas a apresentar a sua ideia ao júri, num pitch de 1 a 5 minutos, na Universidade Nova de Lisboa, que as avaliará mediante a criatividade e exequibilidade da proposta.

  • No dia 20 de setembro será anunciada a grande vencedora.

prémios

De todos os trabalhos enviados para o email meninasnacienciabarbie@gmail.com, o júri selecionará 10 finalistas.

A estudante que apresentar o melhor trabalho, que será avaliado no pitch, dia 5 de julho, mediante a sua criatividade e exequibilidade, ganha uma Bolsa de Estudo, no valor de €3.000,00 (três mil euros), para ingressar em qualquer curso de Ciências e/ou Tecnologias da Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa.

leia o regulamento AQUI